História da Igreja Reformada



História da Igreja Reformada – Estudar a História da Igreja é algo que nos torna pessoas sábia, principalmente a época da Reforma Protestante. Assim corria o cristianismo até o século XVI. Um dia, porém, Lutero descobriu as Escrituras, e sua vida foi mudada completamente. Ele, que vivia atormentado, temeroso, inseguro de não estar fazendo o suficiente para se salvar, ao ler Romanos 1:17, entendeu que a salvação não se dava por obras humanas, mas pela graça mediante a fé em Cristo Jesus. Indulgências, relíquias, missas, peregrinações e intercessões pelos mortos eram desnecessárias, pois somente pela fé em Cristo e na sua morte vicária nos tornávamos aceitáveis a Deus. Tendo tomado conhecimento dessas verdades, Lutero se conscientizou do quanto a Igreja estava afastada da sua pureza e simplicidade original, do abandono da palavra de Deus. Inconformado com os abusos de sua época e com a distorção do cristianismo, publicou suas 95 teses no 31 de outubro de 1517. Deus, em sua soberania, a partir desse ato, iniciou um dos maiores avivamentos da história da igreja cristã. Posteriormente, surgiram figuras como Zwinglio, Calvino, Knox e os puritanos, que deram continuidade à Reforma iniciada por Lutero. E assim retornamos a um cristianismo bíblico e genuíno.

Log in

fb iconLog in with Facebook
create an account